fbpx

>

>

Como driblar as dificuldades financeiras trazidas pela pandemia?

Como driblar as dificuldades financeiras trazidas pela pandemia?

Tempo de leitura: 3 minutos

Tem passado por problemas com as finanças durante a pandemia? Pois é, infelizmente essa virou a realidade de muita gente no Brasil.

Com tantos problemas financeiros, desemprego, inflação, mudanças no comércio e transportes, alta do dólar e outras questões, muitas famílias têm gastado valores maiores e têm encontrado dificuldades para manter as contas em dia.

Neste conteúdo, falaremos mais sobre esse assunto e daremos dicas para tentar driblar os problemas que podem surgir no orçamento. Continue a leitura!

Como a pandemia afetou as finanças do brasileiro

A pandemia afetou muito o orçamento das famílias brasileiras e trouxe várias situações desagradáveis.

Para se ter uma ideia, durante esse período, 8 a cada 10 brasileiros tiveram o orçamento impactado. As principais mudanças negativas foram a perda de renda e a inflação. Além disso, 4 em cada 10 brasileiros se descontrolou financeiramente durante a pandemia.

Ou seja, os números mostram que a pandemia afetou fortemente as finanças das pessoas. Os problemas foram grandes, e também geraram as situações como…

Cenário incerto

Muita gente ainda está insegura com o que está por vir nos próximos meses. Até porque a pandemia não parece ter um fim próximo, uma vez que novas cepas do coronavírus continuam surgindo e gerando incertezas.

Esse cenário incerto gera também receio de fazer gastos maiores ou não conseguir manter o orçamento em dia.

Economizar se torna prioridade

Com os tempos de crise, a economia tornou-se uma preocupação recorrente entre os brasileiros. A “arte da pechincha” se aperfeiçoou, as pessoas pesquisam cada vez mais antes de comprar etc.

Toda essa economia é importante para tentar não extrapolar o orçamento e criar débitos. Ao mesmo tempo, tem gente tentando investir, nem que seja na poupança. Assim, se as coisas apertarem, haverá uma reserva de emergência a que recorrer.

Como usar o planejamento financeiro a seu favor

O planejamento financeiro é peça-chave para o cuidado com o seu orçamento. É por meio dele que você vai conseguir controlar o que ganha, o que gasta, e definir metas para alcançar. Veja algumas dicas a seguir.

Tenha um controle financeiro

É muito importante ter controle das finanças, para evitar entrar em dívidas e ter problemas no dia a dia.

O planejamento financeiro pode ajudar com isso, pois você conseguirá definir o quanto tem de renda e quanto pode realmente gastar.

Vale a pena também definir qual o gasto mensal máximo com cada tipo de despesa. A partir daí, você poderá controlar esse gasto e evitar passar do limite.

Também vale a pena anotar todos os seus gastos. Com cuidado, sem esquecer de nenhum deles. Dessa forma, será mais simples perceber quando um valor tira o equilíbrio do mês, e você poderá buscar evitar que aconteça de novo.

Cuidado com o cartão de crédito

O cartão de crédito pode oferecer diversos benefícios, como cashback ou programa de milhas, mas quando não usado da forma correta, pode desequilibrar as finanças. Como você compra agora para pagar depois, pode acabar perdendo o controle e acumulando dívidas.

Além da dívida, o cartão tem o problema de ser um débito caro. Seus juros são altos, e deixar algum valor em aberto pode transformar os valores em algo ainda mais difícil de pagar.

Se planeje para gastar no máximo determinado valor no cartão. Além disso, mantenha o controle desses gastos, anotando todos eles. Todos mesmo, inclusive os gastos menores.

Outra dica é ajustar seu limite para que ele corresponda a um valor que não comprometa seus outros gastos mensais. Com essa estratégia, seu gasto vai ficar limitado em definitivo, e você não vai conseguir gastar mais do que pode pagar.

Faça trocas inteligentes

No dia a dia, dá para fazer trocas inteligentes no orçamento. Seja trocando as marcas que costuma comprar no supermercado, optando por transporte público quando possível, ou reduzindo a temperatura do chuveiro no banho.

Existem várias formas de economizar. Se você parar para analisar seu dia a dia, pode encontrar ótimas saídas para fazer isso e ajudar o orçamento.

Estabeleça prioridades para os momentos de crise financeira

Em momentos de crise, é fundamental definir prioridades para o orçamento. Afinal, se as finanças estão apertadas, é fundamental reduzir qualquer gasto quanto for possível. 

Além disso, gastar mais do que você pode criar dívidas e várias dores de cabeça. Mas com prioridades claras, é mais difícil que o endividamento seja uma consequência muito grave dos momentos de crise.

Por isso, avalie com cuidado o que você precisa no momento, e quais são os objetivos que você pode adiar um pouco.

Use o conhecimento a seu favor

Uma forma de cuidar das finanças na pandemia ou em qualquer outra crise é usar o conhecimento que você já tem ou que está disponível e você pode usar para aprender sobre finanças.

Uma dica é procurar estudar formas de economizar e também de investir. Dessa forma, você pode passar a conhecer novas soluções e ter ideias do que fazer para ter um orçamento mais equilibrado.

Não se esqueça: momentos de crise chegam ao fim. Mas enquanto eles não passarem, você precisa ter atenção redobrada para evitar que a dificuldade se estenda por mais tempo que o necessário.

Tags relacionadas

Juros Baixos

O Juros Baixos é um orientador de crédito e financiamentos e visa facilitar a vida de quem quer um empréstimo. Por meio da página, o cidadão comum pode simular empréstimos em diversos bancos, financeiras e fintechs de crédito online.
ilustração de envelope com 1 notificação

Participe do Clube do Corre

E receba lembretes semanais sobre tudo o que impacta o seu bolso! É de graça:

    Compartilhe

    Compartilhar no facebook
    Compartilhar no whatsapp
    Compartilhar no email
    Compartilhar no linkedin
    Compartilhar no twitter
    Compartilhar no pinterest

    Você pode gostar também

    Queremos saber o que você achou!

    Deixe aqui seu comentário.