fbpx
Pago Quando Puder
cartao-caixa-simples

Cartão Caixa Simples: Como Funciona?

O cartão de crédito facilitou o acesso a diversos produtos e serviços. Atualmente, esses meios de pagamento atendem a necessidades específicas, de públicos-alvo diferentes.

O Cartão Caixa Simples, por exemplo, é um cartão de crédito da Caixa Econômica Federal e exclusivo para aposentados e pensionistas do INSS com idade inferior a 75 anos. 

A principal diferença é que o Cartão Caixa Simples funciona na modalidade consignado.

Ou seja: parte do pagamento da fatura é descontada automaticamente do valor do benefício do INSS.

Entenda mais a respeito do Cartão Caixa Simples ao longo deste artigo!

O funcionamento do Cartão Caixa Simples

Vale mencionar, de imediato, que só é possível descontar até 5% do valor da aposentadoria ou da pensão para pagar a fatura. 

Veja conforme o seguinte exemplo: se você recebe uma aposentadoria ou pensão no valor de R$ 3 mil, e sua fatura do cartão fechou em R$ 300, serão descontados apenas R$ 150 — que corresponde a 5% dos R$ 3 mil que você recebe.

Os outros R$ 150 devem ser pagos nas agências da Caixa, casas lotéricas, terminais de autoatendimento e Internet Banking ou pelo app da Caixa, como uma fatura normal.

Caso o valor da fatura fique igual ou abaixo dos 5% da aposentadoria ou pensão, não é preciso se preocupar, pois o valor descontado já vai quitar totalmente a fatura. No entanto, é importante conferir o extrato bancário, todos os meses, para verificar se o pagamento foi realmente realizado.

Apesar disso, o Cartão Caixa Simples oferece os mesmos benefícios de um cartão de crédito convencional, como a possibilidade de fazer compras no Brasil e no exterior, em estabelecimentos físicos e pela internet.

Para saber mais sobre o funcionamento de um cartão de crédito consignado, acesse:

Características do Cartão Caixa Simples

Para chamar a atenção dos seus potenciais clientes, o Cartão Caixa Simples possui uma série de benefícios, e nós analisamos cada um deles. Confira abaixo!

Anuidade

Um ponto positivo é que a Caixa não cobra anuidade e taxas mensais nesse cartão. A única tarifa cobrada é referente à emissão do cartão, no valor de R$ 15. No entanto, a Caixa permite que esse valor seja parcelado em até três vezes nas faturas do cartão.

Embora a isenção de anuidade seja um ponto positivo, é importante ressaltar que outros cartões convencionais já oferecem o mesmo benefício, como o Nubank e o Banco Inter.

Troca de crédito por dinheiro

Outra diferença entre o Cartão Caixa Simples e outros cartões é que você pode transformar até 95% do limite disponível em dinheiro, que será creditado direto na sua conta. Esse valor deverá ser pago na fatura seguinte.

Atente-se, porém, para a cobrança de juros rotativos e de IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) sobre essa operação, que começarão a ser contabilizados desde o dia do crédito em conta até o dia do pagamento da fatura.

Consulta ao SPC e Serasa

A baixa burocracia para se obter esse cartão também é um ponto positivo, principalmente, porque a Caixa não consulta o SPC ou o Serasa. Por isso, mesmo aposentados e pensionistas com o nome sujo podem solicitar o cartão de crédito.

O único critério que pode atrapalhar a aquisição é a existência de débitos pendentes na Caixa. Nesse caso, você terá que regularizar sua situação antes de solicitá-lo.

Taxa de juros do rotativo

Outra característica do Cartão Caixa Simples é a cobrança de taxa de juros de apenas 2,85% ao mês para uso do rotativo, quando você paga um valor menor do que o total da fatura. 

A diferença entre o valor total da fatura e o que foi pago funciona como um empréstimo. Por isso, os bancos podem cobrar juros sobre ele. 

Segundo a Caixa, o índice cobrado seria três vezes menor que a média dos cartões convencionais. No entanto, caso você não costume entrar no rotativo, esse benefício não faz tanta diferença.

Bandeira Elo

A bandeira do cartão que você receberá é da Elo, e dá acesso ao Clube Elo Mania Caixa, programa que oferece produtos e serviços diversos com desconto. Não é possível escolher outra bandeira para o cartão.

Outra vantagem apontada pela Caixa é que a bandeira Elo dá direito à realização de pequenos reparos na sua casa, feitos por um  profissional especializado, como revisões elétricas e hidráulicas, instalação de prateleiras e limpeza de caixa d’água, entre outros. Esse benefício, conhecido como Check-up Lar, pode ser utilizado até três vezes no ano.

Usuários de outros bancos

Não é necessário receber o benefício do INSS pela Caixa Econômica Federal para poder solicitar o Cartão Caixa Simples.

Segundo a Caixa, basta que o usuário seja aposentado ou receba pensão pelo INSS, independentemente do banco pelo qual ele recebe o benefício.

Como contratar o Cartão Caixa Simples

Para contratar o Cartão Caixa Simples é preciso ir até uma agência da Caixa com os seguintes documentos:

  • RG;
  • CPF;
  • comprovante de residência;
  • extrato do benefício.

Ainda não é possível solicitar o cartão via internet ou telefone. Apesar disso, é possível acompanhar os gastos do cartão e acessar outros serviços pelo App Cartões Caixa e Mobile Banking da Caixa. Correntistas da Caixa podem também monitorar seus gastos pelo Internet Banking da Caixa.

Além disso, a Caixa conta com uma Central de Atendimento para usuários de cartões do banco. Para quem mora em capitais e regiões metropolitanas, o número é 4009-9009. Em outras localidades, o número é 0800 940 9009.

Vale a pena o Cartão Caixa Simples?

Há diversas vantagens no cartão, como a anuidade grátis, a taxa de juros mais baixa e a pouca burocracia para adquiri-lo. No entanto, lembre-se que é necessário pagar uma taxa de emissão do cartão, no valor de R$ 15, além de deslocar-se até uma agência para solicitá-lo, bem como a exclusividade da bandeira Elo — que pode não ser aceita em alguns estabelecimentos.

Outro ponto que conta a favor do cartão é a possibilidade de usar o crédito como dinheiro, e pagar outras contas que possuem taxas de juros maiores do que as que são cobradas pelo cartão.

E outro aspecto positivo é a cobrança de parte da fatura direto do benefício do INSS, como se fosse um débito automático, o que pode ajudar a ter uma organização financeira melhor, diminuindo as chances de se endividar com cartão de crédito.

Ainda, vale ressaltar que a margem de 5% para o pagamento de parte da fatura não está inclusa no limite de 30% do empréstimo consignado. Para quem já tem empréstimo consignado e ainda precisa de um cartão de crédito, pode ser uma boa opção.

No entanto, se você é dependente de 100% do seu benefício, esse cartão não é a melhor opção, já que a Caixa desconta parte do valor da fatura do benefício do INSS.

E é importante mencionar que a Caixa não permite a emissão de um cartão adicional. Portanto, não é possível dividir o limite e os benefícios do cartão com outras pessoas.

Além de não haver a possibilidade de usar um cartão virtual para compras pela internet, como outras instituições já permitem, prática que diminui a possibilidade de clonagem do cartão.

Por último, a Caixa não agregou a esse cartão um programa de pontos ou de cashback, o que para algumas pessoas é um benefício importante para cartões de crédito.

Gostou deste texto e quer receber conteúdos com dicas de finanças pessoais direto no seu e-mail? Assine nossa Newsletter gratuitamente!

Avatar

Kleiton Reis

Kleiton Reis é jornalista e apaixonado por marketing, finanças e por ensinar. Acredita que pequenas ações geram grandes resultados e que as mudanças devem começar dentro de cada um antes de tomar o mundo.

Deixe aqui o seu comentário

Dá aquele like!

Curta nossas páginas nas redes sociais e fique por dentro de todas as novidades do Pago Quando Puder!

Receba as novidades!